7 de mar de 2010

1/4 de vida ou vulgo - parabéns pra você.

Sobre a vida e seu prosseguimento tenho a dizer o seguinte. Os caminhos que somos, alguns caminham por nós e outros aos lados, pelo direito e no esquerdo. As gentes são impreteríveis, confirmo convicto.
Sentir-se considerado é uma maravilha, hoje uma satisfação me acompanha e, jus-ta-men-te, por conta de pessoas queridas, seus cheiros, palavras, presenças na medida necessária. A chegada de cada um na vida da gente vem acompanhada de uma introspecção (ou sou louco). E meu Deus do céu. Quantos aprendizados.
Agradeço imensamente pela existência de cada um que chega, sai, fica e permanece, que vai me mostrando implícita ou 'avassaladoramente' quem sou, quem são, somos nós. As ausências e presenças que, de uma forma ou de todas, me deixam reflexivo, e haja.

Haja tempo e disposição para pensar, e penso(amos). Ou tento(amos). Que seja.

"Deve haver alguma espécie de sentido ou o que virá depois?" Caio...


Um comentário:

  1. Jú, foi muito bom compartilhar esse momento com vc... e que bom que vc escreve!!
    adoro essa música!

    ResponderExcluir